Lindsay Lohan fala sobre prisão domiciliar pela primeira vez

Lindsay Lohan abriu as portas de sua casa em Venice Beach, na Califórnia, para a revista Life & Style e falou sobre a vida durante a prisão domiciliar,que cumpre por conta da acusação de furto de um colar.

Apesar de ser mais fácil ficar trancada em casa do que em uma cadeia – já que os amigos, familiares e até pessoas interessadas em lhe ofertar trabalhos podem visitá-la -, a atriz comenta alguns contras de sua condenação.

- Sou uma pessoa muito social e gosto de sair. Gostaria de sair mais – só ir jantar. Fiquei muito chateada por não poder ir ao aniversário do meu irmão. Ele completou 16 anos. Isso acabou comigo.

Lohan garante que, quando dá festas na residência, não oferece bebida alcoólica aos convidados e também passa longe da tentação. Não significa, entretanto, que deixaremos de ver a artista curtindo casas noturnas e bares quando terminar de pagar sua sentença.

- Não acho que você deva dizer nunca, comenta.

Os planos de Lindsay para o futuro não mudaram. Ela quer retomar a carreira de atriz o quanto antes, se possível já entre agosto e setembro. Antes, porém, terminará de cumprir o trabalho comunitário ao qual também foi condenada.

Depois de tantas polêmicas, ela sabe que, talvez, muitos diretores e produtores não queiram mais contar com seu nome em uma nova produção. Mas, se tiver oportunidade de mostrar que mudou, não vai desperdiçá-la.

- Entendo de verdade que preciso recuperar meu respeito de volta, mas quero trabalhar duro por isso. Entendo as circunstâncias. Me coloquei nelas e não quero voltar a elas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário